Dieta vegana pode controlar sintomas da artrite
Ciências da saúde

Dieta vegana pode controlar sintomas da artrite

Uma dieta vegana, com alimentos integrais e saudáveis, pode controlar e até eliminar os sintomas da artrite. Uma professora britânica com artrite psoriática, em tratamento medicamentoso desde 2003, livrou-se dos sintomas da doença e dos medicamentos, após adotar uma dieta vegana com alimentos saudáveis e integrais. Um dos medicamentos suspensos é o antirreumático metotrexato, que, mesmo associado a outros fármacos, não conseguia controlar completamente os sintomas e ainda causava efeitos colaterais. O caso foi acompanhado por dois hospitais britânicos – Royal Surrey County Hospital, de Guildford, e King’s College Hospital, de Londres – e publicado na revista científica American Journal of Lifestyle Medicine.

A artrite psoriática é um tipo de artrite que acomete indivíduos que têm psoríase. No caso da professora, a doença causava inflamação, rigidez, dores e inchaço em várias partes do corpo. Afetava os joelhos, tornozelos, costas, pescoço, ombros, mãos, punhos e até os olhos. Os sintomas eram incapacitantes e chegaram a impedi-la de trabalhar.

A melhora nos sintomas começou em 2006, quando a professora parou de consumir derivados de leite e carne. Ela havia parado por conta própria, quando percebeu uma relação entre o consumo desses alimentos e a piora dos sintomas. Entretanto, apenas em 2017, com a adoção de uma dieta vegana saudável, isto é, sem alimentos refinados e processados, sem adição de sal, óleo e açúcar, é que os sintomas realmente desapareceram. Isso a ponto de poder parar de tomar os medicamentos, que lhe causavam efeitos colaterais.

Nessa ocasião (2017), ela passou a comer uma variedade de frutas, vegetais, feijões, grãos integrais, nozes, sementes, ervas e especiarias, enquanto ainda mantinha o uso do medicamento. Fazia 3 refeições por dia e, entre elas, comia frutas.

Em setembro do mesmo ano, a dose de metotrexato foi reduzida pelo médico. Por fim, em fevereiro de 2018, com concordância médica, a paciente parou de tomar metotrexato e recebeu alta da clínica de reumatologia. Isso porque já não apresentava nenhum sintoma adicional associado à artrite.

Desde então, ela não toma metotrexato ou qualquer outro medicamento. Sua artrite psoriática permanece inativa e não mais limita suas atividades. Tanto que, hoje em dia, a paciente corre maratonas – 10 km regularmente. Passou a fazer parte de um grupo chamado Vegan Runners – Corredores Veganos. Em entrevista para o site Rheumatoid Solutions – especializado em soluções para doenças reumáticas –, ela contou que conheceu no grupo de maratonistas uma vegana que também havia se livrado da artrite reumatoide com a adoção de uma dieta saudável com alimentos integrais.

A Tabela 1 (abaixo) mostra as mudanças na dieta da paciente que levaram ao desaparecimento dos sintomas.

Dieta vegana pode controlar sintomas da artrite
A Tabela mostra a dieta vegana adotada pela paciente antes e após o controle da artrite. A versão saudável, mais rica, variada e composta de alimentos integrais, foi a que conseguiu de fato eliminar os sintomas e a necessidade de medicamentos.

Referências bibliográficas:


Banner Página Livros 3

Cursos Recomendados:


Livraria Vegana


Comentários